QUEM SOU EU

Minha foto
Sou apenas "O PREGADOR". Neste blog resolvi postar alguns esboços, estudos e mensagens. Para mim, ser um pregador do evangelho é uma missão e nunca uma profissão. Sinta-se a vontade ao ler este blog, pois o Maná Diário do Pregador não pertence a nenhuma religião católica, protestante, evangélica, espírita, ou outra. Seja muito bem-vindo!

quarta-feira, 7 de março de 2012

UMA PALAVRA PARA OS JOVENS


“E Daniel propôs no seu coração
não se contaminar com a porção das iguarias do rei,
nem com o vinho que ele bebia;
portanto pediu ao chefe dos eunucos
que lhe permitisse não se contaminar.”.
(Daniel 01:08).

- A primeira parte da vida de Daniel demonstra que há muito mais na vida do jovem do que apenas cometer erros.



- Nenhuma característica conquista mais rapidamente o coração dos adultos do que a sabedoria nas palavras e ações de uma pessoa jovem.

- Daniel e seus amigos tinham sido levados de seus lares, em Judá, para o exílio.

- O futuro era incerto, mas todos eles possuíam características pessoais que os qualificavam para o trabalho no palácio, na presença do rei.

- Eles tiravam proveito da oportunidade sem deixar que esta tirasse proveito deles.



- O primeiro sinal da dignidade de Daniel é visto quando ele se recusa discretamente a desistir de suas convicções.

- Daniel tinha aplicado a vontade de Deus a sua vida e era contrario a mudar os bons hábitos que formara.

- Tanto o alimento físico quanto o espiritual eram uma parte importante de seu relacionamento com Deus.

- Alimentava-se cuidadosamente e vivia em oração.



- Um dos “benefícios” de estar em treinamento para o serviço real era comer da mesa do próprio rei.

- Daniel escolheu com discernimento um cardápio mais simples e provou ter sido esta uma escolha saudável.

- Assim como Daniel e seus amigos, os jovens de hoje também são submetidos a provas difíceis na vida.



- Ainda jovens muitos têm que sair de casa para estudar em outra cidade distante; fazer uma faculdade, prestar serviço militar, trabalhar ou outra...

- Longe de casa, muitas vezes lhe são oferecidos os manjares do deus deste século: Drogas, álcool, prostituição, baladas...



- E quantos poucos são aqueles que conseguem ter a mesma sábia determinação de Daniel e seus amigos de não se contaminar com os manjares deste mundo tenebroso.

- Veja que Daniel, apesar de deportado permaneceu fiel a sua fé:



“E Daniel propôs no seu coração
não se contaminar com a porção das iguarias do rei,
nem com o vinho que ele bebia;
portanto pediu ao chefe dos eunucos
que lhe permitisse não se contaminar.”.
(Daniel 01:08).

- Daniel firmemente propôs no seu coração não se contaminar com as iguarias do rei, nem com o vinho que ele bebia.

- Se fosse aos dias de hoje talvez estivesse escrito que Daniel propôs em seu coração não se contaminar com o cigarro de maconha do “rei do pedaço”, nem com sua cocaína e pedras de Crack.



- Poderia também estar escrito que Daniel fora fiel a sua fé, pois não se submeteu a luxúria proposta por suas colegas de faculdade.



- Que pai não gostaria de ter um filho assim?

- Daniel resolveu não comer deste alimento porque era proibido pela lei judaica, como a carne de porco, ou porque aceitar o alimento e a bebida do rei seria o primeiro passo para a dependência de seus presentes e favores.

- Daniel permanecia obediente às leis de Deus, embora estivesse em uma cultura que não dava honras a Ele.

- Esta deve ser a postura dos jovens cristãos de hoje.



- Nossos jovens, fiéis a Cristo Jesus, devem recusar a comida de porco que lhe são oferecidas, pois nossos jovens se alimentam do Pão da Vida (Palavra de Deus), o único alimento que dá vida eterna.

- Mesmo vivendo em um mundo corrompido e caído onde o “rei do pedaço” não dá honras a Cristo, se você quiser alcançar a vida eterna, deve permanecer incontaminado destas “iguarias”.

- Assim como Daniel não queria depender dos favores do rei, nossos jovens também não devem nem ao menos experimentar as iguarias mundanas, pois corre o risco de tornar-se dependente delas.



- Uma vez dependente da masturbação, do alcoolismo, das drogas, enfim, fica muitas vezes impossível de reverter o quadro, por isto o jovem cristão deve prestas honras ao Único Rei, a saber, Cristo Jesus.


A MUDANÇA DE NOMES:



“E entre eles se achavam, dos filhos de Judá,
Daniel, Hananias, Misael e Azarias;
E o chefe dos eunucos lhes pôs outros nomes,
a saber: a Daniel pôs o de Beltessazar,
e a Hananias o de Sadraque,
e a Misael o de Mesaque,
e a Azarias o de Abednego.”.
(Daniel 01:06-07).

- A Bíblia relata que o rei Nabucodonosor mudou os nomes de Daniel e seus amigos porque queria torná-los babilônios.



- Este rei babilônio mudou os nomes da juventude daquela época porque queria que eles deixassem de ser o que eram para transformarem-se naquilo que o rei queria que fossem.

- Em hebraico, Daniel significa “Deus é meu juiz”; seu nome foi mudado para Beltessazar, que significa “Bel proteja a sua vida!”.

- Hananias significa “O SENHOR demonstra a sua graça”; seu novo nome, Sadraque, provavelmente significa “sob o comando de Aku” (o deus da Lua).

- Misael significa “quem é como Deus?”; é possível que seu novo nome, Mesaque, signifique “quem é como Aku”.

- Azarias “O SENHOR ajuda”; seu novo nome, Abednego, significa “servo de Nego/Nebo” (ou Nabu, o deus do aprendizado e da literatura).

- Foi deste modo que o rei tentou transferir a fidelidade destes jovens ao Deus de Judá para os deuses da Babilônia.



- Hoje, o “rei do pedaço” também tenta transferir a fidelidade dos nossos jovens de Cristo Jesus para os deuses mundanos trocando seus nomes para “servo da maconha”, “escravo da cocaína”, “sob o comando da prostituição”, “aos cuidados do Crack”...

- O “rei do pedaço” também tenta mudar o nome da juventude cristã para "geração gospel", oferecendo suas festas rave (iguarias do rei).



- Na realidade o “rei do pedaço” quer que você deixe de ser o que você é (uma bênção), para transformá-lo naquilo que ele quer que você seja (uma desgraça).

- É necessário que você jovem, mesmo com esta enxurrada de propostas mundanas, tenha a mesma determinação de Daniel para não cair no laço do passarinheiro.



"Porque ele te livrará do laço do passarinheiro,
e da peste perniciosa.".
(Salmos 91:03).

- Muitos são os jovens que caem no mundo do crime, e como passarinhos desatentos, passam o resto de seus dias em uma prisão.



- O pior não é passar seus dias terrenos preso em uma prisão, mas passar toda a eternidade desligado de Deus; trocar a eternidade por um prazer momentâneo não é uma decisão sábia, amado (a) jovem.

- Daniel DECIDIU ser fiel aos seus princípios e se comprometer com um determinado modo de ação.



- Quando resolveu não se contaminar, estava sendo leal a uma decisão vitalícia de fazer o que era correto e não desistir sob as pressões que estavam a sua volta.

- Freqüentemente, somos pressionados a comprometer os nossos padrões e viver de acordo com o mundo ao redor.

- Apenas querer ou preferir a vontade de Deus não é o suficiente para resistir aos violentos ataques da tentação.

- Como Daniel, devemos DECIDIR obedecer a Deus.



- O resultado desta fidelidade, é que Daniel permanece em uma posição elevada, na galeria dos notáveis servos de Deus.

- Descendente de uma família real e levado ao cativeiro quando era apenas um adolescente, Daniel decidiu permanecer fiel a Deus na terra estranha.

- Mesmo a um grande custo pessoal, ele passou toda a vida aconselhando seus captores com extraordinária sabedoria.



- Deus o escolheu como servo para registrar alguns acontecimentos do cativeiro e também eventos significativos a respeito do futuro.

- Com idade avançada e tendo sido fiel a Deus ao longo dos anos, Daniel recebeu a certeza que iria ressuscitar e ganhar sua porção no Reino eterno de Deus:

“Tu, porém, vai até ao fim;
porque descansarás,
e te levantarás na tua herança,
no fim dos dias.”.
(Daniel 12:13).



- A fidelidade a Deus tem uma rica recompensa, não necessariamente nesta vida, mas certamente na que está por vir.

- Decida você também amado (a) jovem a ser fiel a Cristo Jesus.

- Diga não aos manjares do rei e sim para vida eterna.


JOVENS PARA SEMPRE!


A ÚNICA VERDADE QUE LIBERTA É A DE DEUS
AS OUTRAS APENAS MACHUCAM

*

3 comentários:

  1. Essa menssagen é uma benção irmão !

    ResponderExcluir
  2. Benção pura!!!! Agradecido irmão, Glórias a Deus!

    ResponderExcluir